quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Kangaroos in Tilt "Alone" (Spider/Thirteen Records, 1996)


            O Kangaroos In Tilt frequentou por um período curto de tempo o séquito das principais bandas de hardcore brasileiras. Antes de registrarem o primeiro disco de uma curta trajetória, haviam participado na clássica coletânea “Fun, milk, destroy!”, que cobriu a cena punk/hc da capital e do interior de SP da primeira metade dos anos 90.

               “Alone” é um trabalho vigoroso, tanto na parte de execução das musicas quantos nos vocais de Kichi. As letras são todas em inglês e o som flerta com um pouco de hardcore nova-iorquino, mas sem deixar de ter uma sonoridade bastante old school, voltada às bandas do harDCore. 

                São 10 músicas em exatos 20 minutos. Tempo suficiente para “Alone” entrar em qualquer lista que relacione os principais discos de hardcore gravados no Brasil. É uma porrada na frente da outra, sem descanso. “No choice” faz a vez de hit do disco, que também tem em “Violent truth” e “Cry for help” outros bons momentos.

                O disco foi lançado pelo desconhecido selo Spider Records e recebeu distribuição da Thirteen Records, selo do André ‘Tor’ Tauil que iniciou sua trajetória da fonografia independente naqueles bons anos do hardcore brasileiro dos anos 90. 

                O Kangaroos in Tilt não durou muito após o lançamento de “Alone”. Se você gosta de hardcore, é obrigação conferir este álbum.


                    Quer ouvir? Download aqui!
                    Também disponível no Youtube!

Nenhum comentário:

Postar um comentário