quarta-feira, 15 de abril de 2015

Jully et Joe (Bloody Records, 1993)


            Na década de 80 Curitiba deu muitas bandas identificadas com o pós punk. A característica sombria e noturna da cidade, combinada com a (falta de) simpatia habitual dos curitibanos, criava um cenário propício para que os vampiros também assumissem instrumentos. Uma destas bandas era o Jully et Joe.

                Antes de registrarem seu único disco completo, este compacto de cinco canções, o quarteto havia participado da coletânea "Vampiros de Curituba" e era nome frequente em bares importantes do início dos anos 90 na capital paranaense, como o Hole, Lino's e o 92º.

                O disco é curto e direto. Bastam 11 minutos parra tudo vir abaixo. "Rumour" lembra os momentos mais intensos do Joy Division e referências ao post-punk inglês absorvem toda a sonoridade do disco. Lançado pelo selo Bloody Records, num pacote com mais 12 discos de sete polegadas de bandas curitibanas, o álbum ainda consegue imprimir um tensão sombria daqueles anos.

                     Quer ouvir? Download aqui!
                     Também disponível no Youtube!

Nenhum comentário:

Postar um comentário