sábado, 28 de fevereiro de 2015

Low Dream "Reaching for balloons" (Uptight Records, 1996)


              Uma parte importante das bandas do underground brasileiro dos anos 90 era composto por guitar bands. Haviam vários nomes - tá, uns 15, e bem contados - dedicados a este estilo derivado de outros nomes ingleses e norte-americanos. 

Showbizz, ed.135, outubro de 1996
             Por aqui estas bandas batalhavam espaços enquanto produziam demo tapes. Lentamente angariavam público e viam seu nome publicado em fanzines, revistas e cartazes. De todas, certamente o Low Dream era a maior, senão também a melhor.

               "Reaching for balloons" é seu segundo e derradeiro álbum. Sucedeu o excelente "Between my dreams and the real things" e apresentou o Low Dream melodioso, com influências novas de rock inglês pré britpop. As canções soam "limpas", com vocais menos enterrados em distorção e microfonia. Culpa da produção bem cuidada que privilegiou momentos acústicos, "Rocket ride", arranjos com teclados e outras interferências. Há momentos quase pop, "Me and my friend rain" e "Trois millions d'etoiles" que mostram o disco mais acessível da curta discografia do quarteto brasiliense.

             O álbum foi produzido e lançado pela própria banda, através do seu selo Uptight Records, e ganhou distribuição do selo RVC Music, também de Brasília. Recebeu resenhas elogiosas na mídia especializada, que reconhecia o Low Dream como uma das mais conceituadas bandas do underground da época. Contudo, o reconhecimento da mídia e a conquista de um público próprio não foram suficientes para manter o quarteto em atividade após "Reaching for balloons".

          Quer ouvir? Download aqui!

Um comentário: