segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Artificial "Free U.S.A." (Ping Pong, 2005)






Sob o nome Artificial se esconde o produtor Alexandre Kassin, “Free U.S.A.” é seu primeiro e, até agora, único registro. Um disco totalmente atípico, pois, foi composto e produzido com um videogame, mais precisamente o portátil GameBoy, da Nintendo, que faz a vez de sintetizador produzindo sons em 8 bits e recebendo programações. A produção se iniciou quando Kassin, em viagem para o Japão para acompanhar o nascimento de sua filha, tinha unicamente como instrumento o seu vídeo game, a ideia de construir canções experimentais, primeiramente em parceria com Berna Ceppas, a partir desta tecnologia rendeu participações em festivais tais como na edição espanhola do Sonár, Nokia Trends, e o disco “Free U.S.A”.

O álbum traz 11 canções eletrônicas, cheias de ruídos e interferências diversas arranjadas por Kassin, algumas mais dançantes como “Nurse”, “Let’s make”, outras paranoicas “Free U.S.A.” e “Palestina”, em “Orange” há uma conversa por telefone falsa com Prince – uma referência assim como Devo, OMD, casiotone e boa parte da produção musical oitentista. A maioria das canções traz em comum as vocalizações robóticas e um clima de 8 bits muito bem trabalhados.

O projeto gráfico é simples e não traz muitas informações sobre a produção nem as letras, nas imagens há foto do GameBoy utilizado. “Free U.S.A.” foi gravado no estúdio Monoaural e lançado em CD pelo selo Ping Pong, propriedades de Kassin.

Quer ouvir? Download aqui!







Nenhum comentário:

Postar um comentário