sábado, 27 de outubro de 2012

Satan's Pray "Satan is Love" (Silvia Music, 2001)


Os integrantes do quarteto brasiliense Satan’s Pray escondem seus verdadeiros nomes sob pseudônimos, na verdade, sabemos que se tratam de figurinhas conhecidas das bandas Macakongs 2099, Abhorrent e Os Cabeloduro.

           “Satan is Love” é seu único disco, um petardo rápido e nervoso de 10 canções. As letras versam na maioria das vezes sobre manipulação da fé cristã e temas anti religiosos que poderiam até fazer parte de um álbum de black metal. Tem letras em português e inglês, os destaques ficam para "Satan's pray", "Meio século de merda" - que comemora os 500 anos de descobrimento -  e "Direto pro inferno". As músicas são curtas, poucas ultrapassam os dois minutos. A última faixa "Souless Symptomatic Coward" esconde mais de 20 minutos de trotes telefônicos dos integrantes do Satan's Pray para programas da Igreja Universal no rádio, é muito divertido, o Pastor Luciano ficou esperto depois dos vários tipos de pegadinhas. Por outro lado, dá impressão que o disco foi feito só para encaixar estes trotes, pois o tempo total das músicas é menor que o tempo de bônus.

A gravação deixa muito a desejar, o vocal do tipo "esganiçado" de Mater Tenebrius  (o Podrinho?) soa incompreensível e enterrado sob os riffs destorcidos da guitarra de Asmodeu e pela cozinha pesada de D.J. Soul (Phú do Macakongs 2099) e El Santiago Satanico.

O projeto gráfico é bastante completo e caprichado. Em duas cores, traz fotos, letras e ficha-técnica, a impagável foto de Mike Tyson na capa foi surrupiada da agência Reuters. "Satan is love" foi lançado pelo selo do Phu, Silvia Music, com o disco a banda tocou no festival  brasiliense Porão do Rock em 2001 e 2002.

            Quer ouvir? Download aqui!

3 comentários:

  1. Respostas
    1. Ítalo! Vou resolver isso em breve, enquanto isso, me mande um email que eu te mando um link:
      marcelo_mara@hotmail.com
      abraços

      Excluir