terça-feira, 25 de setembro de 2012

Dungeon "See the Light" (Rockit!, 1993)



O quarteto brasiliense Dungeon surgiu em 1983 com o nome de Anjo Caído, já vinha com uma proposta de heavy metal numa época e num lugar onde imperavam as formações de rock com letras em português e influência punk/new wave. Pouco tempo depois a banda mudou seu nome para Fallen Angel e no final dos anos 80 finalmente para Dungeon.

Bizz, edição 88, novembro de 1992
O Dungeon era formado por Bulhões, Parente, Helder e Fejão, sendo que este último foi uma figura de extrema importância no rock de Brasília, guitarrista de mãos cheias, além de aficionado por todo tipo de instrumentos. Fejão também tocou Dents Kents, XXX e Escola de Escândalos. Antes mesmo de lançar seu único álbum o Dungeon era saudado como uma das boas revelações para o ano de 1993.
Dungeon (foto: João Del Negro)


“See the light” abre com “Broken Symphony”, heavy com vocais melódicos, partes aceleradas e solos de guitarra característicos. A mesma “fórmula” ressurge em “Birthday in prison”. “Funeral District (part II)” abre com arranjo de violões e teclado fazendo à vez de trombeta celestial para dar espaço ao mesmo heavy metal de vocais sem força. Não é tarde para se afirmar que se este disco fosse instrumental ele seria mais bem resolvido, isso pode ser observado em “Merciful Self Mayhem” (sic) e “Devastation”. “In the air” ganhou videoclipe e passou na MTV na época, uma das boas canções do disco.

O álbum foi gravado em Brasília e lançado pelo selo Rockit!, um dos primeiros lançamentos da propriedade de André “X” Muller e Dado Villa-Lobos, em CD e LP. O projeto gráfico traz encarte com letras, ficha-técnica e foto da banda, a capa tem um desenho à lápis-de-cor meio mal feito. O Dungeon fez alguns shows, mas não se manteve por muito tempo. Fejão faleceu em 1996.

Quer ouvir? Download aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário