sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Colarinhos Caóticos “Introdução” (Purnada Y Pranada, 1988)


Bizz, edição 82, janeiro de 1989
                 O composto “caótico” que batiza a banda faz jus à sonoridade que o Colarinhos produz. Fruto da mente criativa do membro fundador e produtor de outras bandas - algumas tão malucas quanto o próprio Colarinhos Caóticos - Egisto Dal Santo (aka Egisto 2, aka Egisto Ophodge).

                       “Introdução” é uma usina de referências de punk/pós-punk distribuídas em 12 canções. Todas cheias de groove e funk em flerte direto com punk rock e, até mesmo, hardcore. “Não sei ou sei”, “Introdução” e “Suicide” são bons exemplos disso.  O baixo preciso de Beltrão e o sax onipresente de Álvaro garantem os arranjos inusitados de “It’s life” e “Tudo y nada”. Tanto as letras quanto as interpretações de Egisto são bastante “caóticas”, mas se encaixam perfeitamente na proposta das canções.
            
                         A estreia foi lançada pelo próprio selo de Egisto, o Purnada Y Pranada, e teve uma boa repercussão na época, o que garantiu a banda um bom número de fãs dentro e fora do Rio Grande do Sul. O projeto gráfico é simples e eficiente, em completa sintonia com a arte de discos de punk rock. Toda a arte foi feita à mão. O álbum traz encarte, ficha técnica e fotos da banda. “Introdução” ainda aguarda uma reedição em CD.

                               Quer ouvir? Download aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário